Tendências do mercado B2B

escrito por Jana Meneghel 24 agosto, 2018

com Melissa França, da Bunge Brasil

A head de trade marketing em consumo, trigo e ingredientes da Bunge Alimentos, Melissa França, conversou com o CEO da Involves, André Krummenauer, sobre as principais tendências e ações de trade no mercado business to business. O que a sua empresa tem feito para desenvolver este canal e se destacar na atuação B2B?

A COMPLEXIDADE DO TRADE MARKETING B2B

Apesar de mais complexo, o B2B tem a capacidade de crescer duas vezes mais do que o B2C. Uma das formas de impulsionar este crescimento é apostar nas ferramentas certas. Além das soluções tradicionais, aplicáveis aos dois segmentos, existem outras especialmente voltadas ao trade marketing B2B.

Para a convidada do TradeCast #46, os programas fidelidade são ótimas maneiras de segmentar clientes, entender o ciclo de compra de cada um e, consequentemente, tomar ações muito mais assertivas para entregar qualidade no atendimento.

TECNOLOGIA É OBRIGATÓRIA

Com mais de 23 anos de experiência no segmento e passagem por multinacionais como Kimberly-Clark, Colgate, Mars e Nike, Melissa França acredita que o uso da tecnologia na execução do trade marketing já é mandatória, sendo um diferencial para expandir a atuação da indústria. “Como o mercado B2B é independente, a acessibilidade otimizada pela tecnologia pesa muito”, acredita. 

Segundo ela, 71% dos compradores das empresas em um processo B2B desempenham 12 ações antes de, efetivamente, concluir a compra. É por isso que as ações de trade marketing devem estar cada vez mais voltadas ao digital.

O EXEMPLO DA BUNGE

Com o intuito de estreitar o relacionamento com os clientes, a Bunge desenvolveu uma plataforma de fidelidade que oferece um canal direto de comunicação com seus consumidores, através da qual newsletters e promoções são disparadas de maneira personalizada, com base nos hábitos de consumo e necessidades de cada um. Já a Academia Bunge surgiu para divulgar produtos e informações técnicas juntamente com um plano de segmentação e fidelização de clientes.

Assista à transmissão completa acima para saber sobre outras ações, tendências e ferramentas que podem auxiliar a equipe de trade marketing na atuação B2B.

0 comentários
0

Deixe seu comentário