Como otimizar o ROI nos eventos de trade marketing

escrito por Eduardo Silva Última atualização: 20 março, 2018
Como otimizar o ROI nos eventos de trade marketing

Hoje em dia tudo é mensurável. Nós podemos descobrir, em tempo real, como as coisas andam e quanto dinheiro tivemos em retorno.

É aí que entra o ROI, quando tudo termina, alguém sempre pergunta se o investimento valeu a pena.

Os eventos atraem prospects para as vendas e são ferramentas poderosas de networking que permitem que as companhias e as marcas conectem suas audiências e clientes frente a frente.

É por isso que o gerenciamento e mensuração do ROI deve começar bem antes do próprio evento.

POR QUE?

Nem todo o público é gerido da mesma forma e todos, individualmente, realizam jornadas diferentes até o momento da venda final no seu evento.

Tradicionalmente, a maioria dos organizadores e vendedores têm o foco nos dados que são gerados antes e depois do evento, o que dá um bom parâmetro de quem apareceu, mas nada relevante além disso.

Então, separamos algumas estratégias que os profissionais utilizam para criar uma experiência ainda mais rica durante o seu evento de trade marketing e otimizar o investimento.

1- DEFINA AONDE VOCÊ QUER CHEGAR

O evento, no fim das contas, é apenas um canal entre a sua marca e a sua audiência, então defina claramente aonde você quer chegar.

Será um evento pautado em apresentações? vendas? relacionamentos? Você pode ter várias abordagens num evento, mas deve ter uma principal.

2- NÃO FAÇA TUDO SOZINHO

Poderia resumir essa dica em uma só frase: faça parcerias!

Mas, vamos além. Todo evento tem um grande potencial de sair fora do controle, é por isso que você deve ter parceiros. É mais seguro poder contar com a ajuda de outras pessoas de sua confiança do que segurar todos os problemas sozinho.

Lembre-se: tempo é dinheiro! E tempo é uma “matéria-prima” não renovável e preciosa quando o assunto é a gestão de um evento de trade.

3- MONITORAMENTO NAS REDES SOCIAIS

Usar as redes sociais para monitorar a atividade pré e pós evento não é nada novo, mas manter o que a sua audiência diz durante o evento pode gerar engajamento e pescar novos negócios que podem se multiplicar feito um cardume.

Além disso, pode dar pistas e insights para novas abordagens e servir como um termômetro com indicadores para mudanças em tempo real.

A EventTrack realizou um estudo em que afirma que 77% dos profissionais de marketing utilizam as redes sociais como ferramenta-chave para o engajamento com os clientes antes dos eventos, mas este número despenca para 61% quando falamos sobre a utilização da ferramenta após o evento.

Ao que parece, os profissionais acabam esquecendo do evento enquanto ele ainda acontece e não valorizam o pós-evento, momento crucial para o fechamento de parcerias e contratos aproveitando o encantamento com a experiência.

Segundo Brian Friedman, CEO da Loopd, o ideal é utilizar um painel personalizável com indicadores como: sentimento, números de posts etc., para categorizar os perfis pessoais.

Pergunte-se: eles postam comentários motivacionais dos palestrantes? Discutem estratégias abordadas por eles? Quais os ambientes ou objetos mais fotografados? Realizam check-ins? Tudo pode funcionar como pistas sobre o interesse da audiência.

4- PESQUISAS NO EVENTO

Quer saber o que a sua audiência conhece dos palestrantes ou expositores? Pergunte a eles enquanto o conteúdo ainda está fresco.

Enviar pesquisas durante o evento é uma grande forma de engajar o interesse dos seus atendentes e uma excelente forma de coletar dados adicionais que podem ser utilizados no seu próximo planejamento.

Por quanto tempo ele ficou no último evento? Ele gostou dos temas abordados? Quais tópicos faltou falar? Quais são os principais interesses?

Não se esqueça de entrevistar também seus expositores sobre suas intenções e feedback do evento. Eles podem ter experiências diferentes dos demais expositores e, com certeza, irão trazer novas perspectivas para o seu evento.

Ferramentas de pesquisa: Algumas ferramentas de pesquisa que você pode utilizar para otimizar sua performance:

FERRAMENTAS DE PESQUISA:

  • SEU APP
    Se possível inclua a funcionalidade “pesquisa” no seu aplicativo mobile, é uma forma efetiva de alcançar aqueles que já engajaram com a sua marca e estão usando o seu conteúdo.Crie pesquisas enquanto acontecem as palestras ou converse com alguns palestrantes para criar perguntas customizadas de acordo com os temas abordados.
  • E-MAIL
    Se você está coletando o e-mail de seu público (e você deveria fazer isso), já tem um canal direto para se conectar com a sua audiência para obter novos insights.Nem todos irão te responder diretamente durante o evento porque estarão entretidos com a programação, mas você irá se surpreender com o conteúdo dos e-mails respondidos após o evento.
  • FORMULÁRIOS
    Você pode utilizar softwares como o SurveyMonkey ou o GoogleForms para gerenciar e organizar suas pesquisas de forma mais envolvente.

5- MENSAGEM TELEGUIADA

Se você está rastreando a movimentação durante o evento usando alguma tecnologia como NFC ou RFID, então você tem uma boa ideia de onde as pessoas circulam. A maioria dos organizadores de eventos enviam mensagens pelo seu aplicativo exclusivo do evento ou usando e-mails para “relembrar” o público das próximas palestras, ofertas especiais etc.

6- GAMIFICAÇÃO

A gamificação é uma tendência que faz diferença nos eventos quando bem planejada e executada. Aliás, esse é um termo bem familiar para quem participa do universo do trade marketing. Qual a melhor forma de engajar a audiência do que transformar a experiência em um jogo impactante e divertido?

FERRAMENTAS DE PESQUISA:

  • CAÇA AO TESOURO
    Tão divertido como na infância, mas agora você compete por brindes e faz networking com os outros participantes de um jeito divertido.
  • FOTODESAFIO
    Faça com que seu público procure locais específicos, pessoas ou objetos para tirar uma foto e publicar em suas redes sociais. Você pode utilizar hashtags exclusivas para parametrizar a ação. Enquanto promove a sua marca, o público ganha brindes e se diverte.
  • CHECK-INS
    Fazer com que o público faça check-in em um determinado local do evento pode ser difícil, mas você os incentiva a fazer parte de um jogo ainda maior e mais divertido.
  • DESAFIOS DE NETWORKING
    Quem será o primeiro a colecionar 100 cartões de visitas ou fazer mais 20 novos amigos no Linkedin? A regra do jogo é fazer o máximo de contatos possível de uma forma segura e descontraída.
  • Dica importante: Envolva os expositores nas brincadeiras, quanto mais rico o networking melhor.

O importante é agregar valor ao seu evento de trade e otimizar ao máximo o investimento. E falando eventos, dias 21 e 22 de setembro, no Costão do Santinho Resort em Florianópolis, tem uma oportunidade imperdível e já consolidada como referência no universo do trade marketing, o AEx 2017.


0 comentários
1

Deixe seu comentário