Fidelizar o shopper deve ser o coração do seu negócio

escrito por Última atualização: 6 março, 2019
Fidelizar o shopper deve ser o coração do seu negócio

Eu gosto de começar a escrever meus textos como se eu tivesse contando uma história. Hoje, andando pelos corredores da Involves e vendo tanta gente comprometida e com o propósito de melhorar nosso serviço, percebi que estamos vivendo algo muito especial.

Eu podia me sentar aqui e resumir como foi que começou a história da Involves, mas vou fazer diferente. Vou contar como está sendo a história que estamos escrevendo no presente. Somos em mais de 130 pessoas que trabalham como um organismo vivo.

O nosso coração é o produto que eu e meus cinco amigos criamos. As pessoas que estão dentro deste organismo trabalham em sintonia para fazer este coração bater forte, dentro do compasso e para que ele viva por muitos anos bombeando sangue para todos os outros órgãos.

E qual o motivo de eu estar contando essa história? Eu explico. É que ao longo deste post vou mostrar para você leitor, qual a tendência de comportamento do shopper no nosso cenário atual.

E o que isso tem a ver com o organismo do corpo humano e com a Involves? Simples. É que, em um resumo simplório, posso dizer que você deve tratar seu shopper como o coração da sua organização. É para ele que você deve pensar em como nutrir sua estratégia, fortalecer sua marca e transformar seu negócio em propósito.

O shopper tem que entender que ele faz parte da sua organização. E só assim, organicamente, é que ele vai pagar o que for necessário para consumir seu produto.

Pois bem, resumo feito, vamos para o que interessa. Em duas das palestras que estivemos na Apas, acompanhamos especialistas falando do comportamento do shopper na situação de crise e também sobre quais as tendências para o mercado.

FIDELIZAR O SHOPPER É SÓ O COMEÇO

Na palestra chamada “O Shopper e Suas ‘Escolhas Inteligentes", a especialista em Shopper e Retail da Kantar, Flávia Amado, apontou que as pesquisas evidenciam um shopper que se planeja mais e quer produtos mais saudáveis.

Além disso, outro dado chama atenção: saúde é a segunda maior preocupação dos brasileiros; e os gastos com saúde que em 2014 somavam 6% do orçamento, agora somam 7%.

fidelizar o consumidor

Outro ponto que nos chamou atenção foi o painel chamado “Diferentes Formatos e Posicionamentos para Atender Melhor o Seu Consumidor”, que teve como participante, Raquel Ferreira, da Nielsen, especialista em pesquisas de mercado.

Raquel apontou que o trade se torna ainda mais relevante em um cenário de crise. Além disso, ela enfatizou que “É preciso entender seu papel para não atuar da forma errada na hora da estratégia.”

O COMPORTAMENTO MUDOU, TUDO MUDOU

Neste contexto, a especialista também destacou algumas mudanças de comportamento do shopper. Um deles é a ida ao PDV: a ida ao supermercado, por exemplo, tem sido sempre na primeira semana do mês e preferencialmente no sábado. Veja outros pontos de mudança:

fidelizar cliente

Bom, com um shopper mais atento e com mais informações na mão, é natural que exista também uma mudança na forma de repassar as mensagens. E ao contrário do que se imagina, segundo a pesquisa, o shopper aprecia ser comunicado das marcas que ele se identifica:

fidelizar shopper

A boa notícia é que com um setor de trade marketing estruturado, fica mais fácil desenvolver formas diferentes e interessantes para fidelizar o shopper

Apesar de concorrentes, as duas empresas de renome que realizaram os estudos que apontam as mudanças de comportamento e sinalizam que é preciso fidelizar o shopper. Um canal que pode facilitar a comunicação com o público é o e-commerce, que também tem expectativa de crescimento:

fidelizar o shopper

São inúmeros pontos importantes, é claro… É importante destacar que esta é apenas uma compilação dos resultados apontados pela Nielsen e Kantar Retail. Aos poucos vamos compartilhando com vocês pontos importantes das pesquisas. Como o crescimento do atacarejo, por exemplo, que também passou a ser um canal de vendas mais visitado pelo consumidor.

Agora, fica o meu questionamento. Quais adaptações você pode fazer no seu negócio para fidelizar o shopper? Quais as melhoras que você vai buscar para que seu coração fortaleça o corpo da sua organização?

eBook Merchandising

[eBook] 5 Lições de Merchandising Estratégico

Entenda a importância de uma boa execução de merchandising

Deixe seu comentário